Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Aedes na mira dos agentes

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

08/02/2019 18h11 - Atualizado em 12/02/2019 16h32

Aedes na mira dos agentes

Equipe orienta moradores a descartar qualquer recipiente que acumule água parada

Foto: Santiago Plata - Ascom

Pneus velhos, latas, tampas. Todo recipiente que pode acumular água está na mira dos agentes de endemias da Prefeitura de Anápolis. O objetivo é orientar e eliminar criadouros e focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus e chicungunya, além de conscientizar sobre os riscos da doença e incentivar a população a fazer essa inspeção em seu domicílio uma vez por semana.

Nesta sexta-feira, 8, o trabalho se concentrou nos setores Vila Verde, Bairro Batista, Vila Miguel Jorge, Conjunto Raul Balduíno, Jardim Ana Paula, Vila João Luiz de Oliveira e Bairro Santo André. Os moradores foram orientados a descartar recipientes que acumulem água parada e também móveis e eletrodomésticos que estão em desuso.

Os objetos descartados serão recolhidos por um caminhão que passará nos bairros no sábado, das 8h às 12h, em uma parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, dentro do programa Limpeza em Ação, que inclui ainda roçagem de terrenos baldios. Três agentes de endemias acompanham o trabalho.

Visitas
O trabalho dos agentes não para. Segue um cronograma de visitas em domicílio que continua a partir de segunda-feira no Jardim Gonçalves, Loteamento Olhos D´Água, Jardim Bom Clima, Residencial Victor Braga, Residencial Alphaville e Vila Santa Rita. “Entre os dias 12 e 15 também estaremos com uma equipe de agentes, juntamente com representantes da Ala 2, no centro da Cidade, que é um dos locais com maior incidência de focos do mosquito”, ressalta a coordenadora técnica de Controle de Doenças Transmitidas por Vetores, Patrícia Godoi.

Medidas de combate:

Não deixar água parada em pneus
Não deixar água acumulada sobre a laje
Não deixar a água parada nas calhas
Deixar as vasilhas com plantas sempre secas ou cobri-las com areia
Caixas de água devem ser limpas constantemente e mantidas sempre fechadas e bem vedadas
As piscinas devem ter tratamento de água com cloro. As que não são utilizadas devem permanecer sempre secas
Garrafas devem ser armazenadas em locais cobertos e sempre de cabeça para baixo
Não descartar lixo em terrenos baldios e manter a lata de lixo sempre bem fechada