Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Mostrando novos horizontes

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

06/12/2018 12h12 - Atualizado em 06/12/2018 12h14

Mostrando novos horizontes

1º Ciclo de Palestras Socioeducativas, para jovens que cometeram delitos, é promovido pela Prefeitura de Anápolis, em parceria com PM e Judiciário

Foto: Paulo Giovanni/Ascom

Ressignificação. A palavra que representa dar um novo sentido à vida foi a mais repetida no 1º Ciclo de Palestras Socioeducativas, voltado a adolescentes que cometeram atos infracionais e estão em cumprimento de medidas socioeducativas, liberdade assistida e/ou prestação de serviços à comunidade, acompanhados pela Prefeitura de Anápolis, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). O encontro, que aconteceu na quinta-feira, 6, no 4º Batalhão da Polícia Militar, contou com a presença de cerca de 30 jovens e seus responsáveis, que acompanharam palestra proferida pelo juiz da Vara da Infância e Juventude, Carlos Limongi, sobre “Novas possibilidades e perspectivas de vida”.

Além de abordar este tema, a proposta era mostrar que existe a rede, representada pela Prefeitura, Polícia Militar e Poder Judiciário na ocasião, que possui todos os aparatos sociais para ajudá-los, ampará-los e guiá-los, dando novas oportunidades, a fim de buscar novos caminhos perante a sociedade. “Queremos mostrar novas perspectivas de futuro, para que saibam das possibilidades profissionais, para que voltem a estudar, a praticar esportes e participar dos nossos projetos sociais”, explicou a coordenadora do Serviço de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto do Creas, Andrea Lins, que garante que os adolescentes são acompanhados durante o cumprimento da medida de liberdade assistida e prestação de serviços à comunidade e após, para que o direcionamento para a rede e para as novas oportunidades seja feito.

Uma mãe que acompanhou a filha acredita que o encontro foi uma forma de entenderem que o caminho do mal não os leva a lugar algum e, por isso, precisam buscar novos horizontes para suas vidas. “Foram palavras positivas e simples de entender que se cada um aproveitar as oportunidades, eles podem mudar o rumo de suas histórias. Ninguém nasceu para ser bandido, nós escolhemos quem queremos nos tornar. Obrigada pela oportunidade”, compartilhou.

Os jovens participaram ainda de culto ecumênico, bate-papo com a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Eerizania Lobo e o subcomandante do 4º BPM, major Geraldo Flávio Carneiro; e, por fim, de um café da manhã.

Amparo

Há uma ampla gama de serviços oferecidos pelo Creas para tornar essa ressignificação concreta, como ações corretivas, prestação de serviços à comunidade, acompanhamento com equipe especializada composta por assistente social, psicólogo e educador social.

E os atendimentos não param por ai. A Prefeitura de Anápolis tem buscado cada vez mais parceiros para fortalecer esse trabalho, além de lugares para ampliar o suporte aos adolescentes que estão cumprindo medidas socioeducativas.

Serviço:

Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas)

Endereço: Rua General Joaquim Inácio, nº 196, Centro.

Contato: 3324-2125 / 08000 646 11117 / 3902-2662.

Mostrando novos horizontes