Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Procon Anápolis alerta sobre lojas e sites

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

20/11/2018 17h03 - Atualizado em 20/11/2018 17h08

Procon Anápolis alerta sobre lojas e sites

Órgão fiscaliza estabelecimentos e destina mais servidores para atender a população durante o período, conhecido pela oferta de preços promocionais

Foto: Daniel Carvalho - Ascom

Para garantir os direitos da população, a Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor (Procon Anápolis) está monitorando comerciantes e fornecedores às vésperas da Black Friday, campanha internacional de descontos, que acontece nessa sexta-feira, 23. O órgão tem focado nos materiais publicitários para certificar se os descontos divulgados são reais, ou se houve elevação prévia dos preços, dando a falsa impressão de promoção. Essa é uma das principais denúncias dos consumidores.

Em 2017, houve aumento considerável de compras realizadas via dispositivo móvel, atingindo quase 30% de todo o volume de vendas. Em 2013, elas representavam apenas 4,34%. Apesar da facilidade, é preciso ter cuidado, já que existem sites que escondem armadilhas e falsificações. “Muitos adquiriram produtos, mas nunca os receberam. Ainda verificamos que vários consumidores registram reclamações em sites específicos afirmando que ao longo das 24 horas de compra, as lojas ofereceram nada mais que descontos similares aos de ‘saldões’ de fim de ano”, conta o secretário municipal de Defesa do Consumidor, Robson Torres, afirmando que quem esperava por descontos acima de 50% acabou se frustrando.

Por ocorrências dessa natureza, a equipe de fiscalização verifica se as lojas físicas e virtuais estão trabalhando de acordo com o que é exigido pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC), como por exemplo, deixar o preço total do produto com o tamanho superior ao das parcelas correspondentes. Além disso, atendentes do Procon Anápolis foram deslocados para o Procon Móvel, que fica estacionado na Praça Bom Jesus, no Centro, para orientar e receber reclamações de consumidores que estão fazendo compras na região onde há grande número de estabelecimentos comerciais.

Orientações

De acordo com o secretário, os produtos mais procurados são celulares, tênis e televisões. Para garantir um bom negócio, a orientação do órgão municipal é que o consumidor pesquise os preços e também evitem compras desnecessárias. “Comprar em lojas e de fornecedores já consolidados, evitar sites duvidosos e preços muito reduzidos, que podem indicar uma fraude, são práticas que recomendamos para evitar situações desagradáveis”, orienta Robson.

Já os lojistas devem se atentar às normas de publicidade e ao aumento considerável de vendas, colocando à disposição dos clientes quantidade suficiente de atendentes. Os preços precisam estar legíveis e todos devem ter um exemplar do Código de Defesa do Consumidor em lugar de fácil acesso. “Isso demonstra que o estabelecimento tem compromisso e respeito ao cliente”, garante o secretário Robson Torres.

Denuncie

A população pode dar informações e fazer denúncias pelo telefone 151 ou (62) 99672-9298, que é contato direto da equipe de fiscalização. A sede do Procon Anápolis e as unidades dos Rápidos Municipais contam ainda com guichês específicos para receber essas queixas.

 

Procon Anápolis

Rua Estrela do Sul, esquina com a Avenida Belo Horizonte, nº 275, Vila Jussara.

 

Unidades do Rápido

Jundiaí

Avenida Minas Gerais, nº 112, Bairro Jundiaí.

Anashopping

Av. Universitária, nº 2221, Vila Santana.

Jaiara Shopping

Av. Fernando Costa, n° 49, Vila Jaiara, Setor Norte.

Procon Anápolis alerta sobre lojas e sites