Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Resultado preliminar sai na segunda-feira, 11

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

05/02/2019 12h25 - Atualizado em 07/02/2019 11h59

Resultado preliminar sai na segunda-feira, 11

Os candidatos devem estar atentos aos prazos para entrada de recursos e publicação do resultado final

Foto: Santiago Plata - Ascom

O Programa Bolsa Atleta contabilizou 221 inscrições em 2019. Ao longo desta semana, o Conselho Municipal de Desporto irá avaliar cada caso, somar a pontuação dos inscritos e ver quem de fato está apto a ser contemplado com o benefício, de acordo com o edital.O resultado preliminar saíra na próxima segunda-feira, 11, e o final será publicado no dia 21 de fevereiro, no site da Prefeitura de Anápolis. Os candidatos que não estiverem com o nome na lista devem ir à Secretaria Municipal de Esportes, no Ginásio Internacional Newton de Faria, entre 12 e 14 de fevereiro, período destinado à entrada de recursos.

O programa é mais um benefício na área do esporte, criado pela Prefeitura de Anápolis, para que os atletas que preencham os requisitos estipulados possam intensificar os treinamentos em suas respectivas modalidades, tendo uma contribuição financeira para isso. O Bolsa Atleta contempla, neste edital, os praticantes de atletismo, basquete, boxe, capoeira, ciclismo, futebol/futebol society, futsal, handebol, jiu-jitsu, judô, karatê, kick boxing, muay thai, natação, patins e skate (práticas radicais), tae kwondo, tênis, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

Podem participar do processo seletivo atletas que moram em Anápolis, desde que vinculados a alguma entidade desportiva ou escolar sediada na cidade. Eles podem se inscrever em uma das três categorias de atletas: Atleta Base 1, que atende crianças com idade entre 8 e 12 anos (auxílio de R$ 250 mensais); atleta Base 2, que atende adolescentes com idade entre 13 e 17 anos (auxílio de R$ 400 mensais), e rendimento, destinada aos atletas com 13 anos ou mais que participam de competições esportivas em âmbito estadual/nacional e estejam ranqueados  entre os 20 primeiros colocados do estado em sua modalidade ou prova específica(auxílio de R$ 500 mensais).

O beneficiado com a bolsa deve utilizar o recurso para cobrir gastos com educação, alimentação, saúde, treinamento e aquisição de equipamentos, pagamento de taxas de competições, transporte para participação em eventos esportivos fora da cidade, explica o analista de esportes Danilo Trombiero. A Prefeitura vai conceder 240 bolsas e 10% delas são destinadas ao paradesporto.